REVIEW: SAGA HUSH, HUSH ~ BECCA FITZPATRICK

Em vez de fazer um post para cada livro, decidi fazer a review desta série num só post. 
Desta vez não usei as estrelinhas para classificar os livros para o post não ficar tão " estrelado " ahaha. Em vez de estrelinhas, a classificação está entre parênteses ao lado do nome do livro. 


#1 - Hush, Hush (4/5)
#2 - Crescendo (5/5)
#3 - Silêncio (3/5)
#4 - Finale (2/5)

Confesso que quando comprei o primeiro livro, não sabia nada sobre ele. Recomendaram - mo e a capa fascinou - me tanto, que tive de o trazer.

Nora é uma rapariga normal ( ou pelo menos ela pensa que é normal ). Tem um passado triste, devido à morte do seu pai e vive com a mãe que está muitas vezes fora em trabalho. Mas no seu parceiro novo de carteira NADA é normal.

O fim desta saga foi ansiosamente aguardado por muitos. Todos queriam saber o que iria acontecer com Nora e Patch, personagens por quem nos apaixonámos (eu, pelo menos).
Normalmente, os livros (e sagas) ansiosamente aguardados desiludem - me e, como podem ver pela classificação que dei aos dois últimos livros, foi mesmo o que aconteceu.
Relação de amor / ódio... relação de amor / ódio... 
Adorei o primeiro, amei o segundo, e li, arrastada e muito lentamente o terceiro e o quarto.

O primeiro, Hush, Hush fascinou - me por completo. Como disse, não conhecia e não estava nada à espera de gostar tanto! Foi uma surpresa muito boa.
Adorei a Vee. Achei - a super cómica e super "diva"!
No entanto, o facto de o livro me ter lembrado de Eternidade (Alyson Nöel) e Crepúsculo (Stephenie Meyer) custou - lhe uma estrela.
O segundo livro desta saga, Crescendo, foi um bocadinho mais dramático e cheio de reviravoltas (talvez seja essa a razão pela qual gostei tanto e lhe dei cinco estrelas). Não descansei enquanto não o li de uma ponta à outra!

Aqui é que as coisas começam a descarrilar... Silêncio... oh Silêncio... porquê? 
Foi uma desilusão ver que o livro praticamente todo é como que... uma " cópia " dos anteriores. Tudo bem que a Nora não se lembra de nada... mas penso que não precisávamos de ser lembrados de tudo o que aconteceu antes. Achei a maior parte deste livro desnecessária e penso que, se a Becca não tivesse exagerado tanto ao lembrar - nos de tudo, era possível ter escrito Silêncio e Finale como um só livro.

Quanto a Finale... penso que já estava tão saturada desta saga, que simplesmente não me prendeu. Fiquei feliz em saber como acabou (mais ou menos, quem já leu o livro vai perceber), mas não achei nada de especial.

0 comentários:

Enviar um comentário

 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos